Homem é morto a tiros no Nova Liberdade, em Resende

0

RESENDE

Marlone Gonçalves Garcia Fontes, 29 anos, foi morto a tiros, na tarde de terça-feira, dia 23, no quintal de sua casa, no bairro Nova Liberdade. Policias do 37º Batalhão de Polícia Militar (BPM) estão à procura de dois homens que estavam em um Renault Sandero de cor prata. Este foi o segundo assassinato ocorrido em menos de 48 horas na cidade. Até o fechamento desta reportagem nenhum dos suspeitos foram presos. O corpo da vítima foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) localizado no bairro Alto dos Passos.

O crime aconteceu por volta das 16h15min quando os militares foram até uma residência localizada na Avenida Riachuelo, no Nova Liberdade. “No local um jovem contou que estava sentado em frente à residência junto com a vítima quando dois homens não identificados desceram de Renault/Sandero de cor prata. Os criminosos dispararam vários tiros em direção a Marlone que saiu correndo em direção a sua casa e caindo no quintal, já sem vida”, comentaram os policiais.

Crime está sendo apurado pelo Grupo de Investigações Criminais (GIC) da 89ª Delegacia de Polícia (DP).

SEGUNDO ASSASINATO EM MENOS DE 48 HORAS

Este foi o segundo assassinato registrado em Resende em menor de 48 horas. No início da madrugada de segunda-feira, dia 24, o empresário carioca, Clemildo Souza da Silva Amorim, mais conhecido como Marcelo, 43 anos, foi morto a tiros, no interior de uma choperia, que era um dos sócios, localizada no bairro Mirante da Serra, na região do Acesso Oeste. Câmeras de segurança do estabelecimento policial flagraram a ação dos criminosos, que estavam em um Fiat Pálio de cor prata.

Segundo as primeiras informações de policiais do 37º Batalhão de Polícia Militar (BPM), o crime teria sido praticado por dois homens encapuzados, que desceram de um Fiat Pálio de cor prata. “Os homens chegaram até a choperia em um Pálio que parou na porta do estabelecimento comercial. Dois homens encapuzados e armados desceram do carro, enquanto um terceiro ficou no veículo. Os encapuzados foram até o interior da choperia e dispararam vários tiros em contra Marcelo, que estava do lado de fora do balcão conversando com os funcionários e nem teve tempo de reagir. Ele morreu na hora”, informaram os militares, acrescentando que em seguida, os assassinos fugiram para local ignorado.

error: Conteúdo protegido !