Hemonúcleo de Resende convoca doadores de todos os tipos sanguíneos

0

RESENDE

A direção do Núcleo de Hemoterapia de Resende quer ampliar o número de doadores e assim aumentar o total de bolsas de sangue disponível para assistir instituições de saúde de toda a Região das Agulhas Negras. O Hemonúcleo contabiliza a média de cinco doadores por dia e tem a projeção de triplicar esse total mobilizando a sociedade. Nesta quarta-feira, 14, a coordenação do Hemonúcleo divulgou a criação de uma campanha de doação para doadores de todos os tipos de fator sanguíneo. Entretanto, as maiores necessidades no momento, são doadores dos tipos O positivo e O negativo.

Estão habilitados para a doação os cidadãos na faixa etária entre 18 e 69 anos, tem peso acima de 50 quilos e condição saudável. Todos os voluntários são avaliados pela triagem do Hemonúcleo, garantindo a segurança no procedimento. “É importante frisar que todo o material utilizado na coleta é descartável e que o doador não corre nenhum risco, e que essa ação pode salvar várias vidas. No final deste mês (dia 30), teremos o feriadão da Paixão de Cristo e é muito importante que o nosso estoque já esteja estabilizado, caso tenhamos que atender alguma emergência”, ressalta a biomédica, Maria Fernanda Aguiar, coordenadora do Hemonúcleo de Resende. Na coleta de sangue, cada doador tem coletado o volume aproximado de 450 ml de sangue. “Este volume é reposto pelo organismo em até 24 horas, sendo que as mulheres podem fazer doações a cada três meses, e os homens a cada dois meses”, orienta.

As bolsas de sangue são utilizadas em unidades do SUS em toda a Região das Agulhas Negras

O Núcleo de Hemoterapia de Resende está situado ao lado do Hospital de Emergência Henrique Sérgio Grégori, na Avenida Marcílio Dias, no bairro Jardim Jalisco. O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 8 horas às 11 horas e os doadores não devem estar em jejum. Devido à vacinação contra a febre amarela, muitos voluntários estão impossibilitados. É preciso aguardar um mês após receber a vacina para doar sangue.

Com as campanhas para novos doadores, de 2016 para 2017, o Hemonúcleo de Resende ampliou em 12% o número de voluntários – o total de pessoas subiu de 1.367 para 1.452 voluntários aptos para a coleta. O número de bolsas utilizadas em transfusões também cresceu, totalizando quase 200 a mais que em 2016.

REFERÊNCIA REGIONAL

O Núcleo de Hemoterapia de Resende é o responsável pelo abastecimento de bolsas de sangue em diversas unidades médicas na Região das Agulhas Negras. Entre elas, o Hospital de Emergência e a Nova Santa Casa de Misericórdia (ambos em Resende), o Hospital Municipal São Francisco de Assis (Porto Real), Hospital Dr. Manoel Martins Barros (Itatiaia) e o Hospital São Lucas (Quatis). “O Hemonúcleo de Resende atende as unidades do Sistema Único de Saúde de Resende, Porto Real, Quatis e Itatiaia. É conveniado ainda à Clínica de Hemodiálise Resende, Associação de Proteção à Maternidade e Infância de Resende (Apmir), Neovida e ao Hospital da Academia Militar das Agulhas Negras”, finaliza Fernanda Aguiar.