Gasolina e diesel terão redução de 3% no preço para as refinarias

0

SUL FLUMINENSE

A Petrobras confirmou nesta segunda-feira, dia 13, que promoverá a redução em 3% no valor da gasolina e do óleo diesel fornecido para as refinarias. O procedimento que integra a cadeia de abastecimento dos combustíveis até o consumidor final e, pode, futuramente, gerar impacto de baixa no litro dos produtos, é resultado da decisão da estatal em não repassar de imediato os reajustes em suas refinarias pela consequência do clima de tensão no Oriente Médio. Os valores do Brent, que servem de referência internacional do petróleo, fecharam em baixa nesta segunda-feira, seguindo a queda da última semana.

O preço dos combustíveis sofre com a variação do câmbio e o preço do barril de petróleo, além da incidência de impostos como ICMS, CIDE e PIS/Pasep, Cofins e a porcentagem do valor de distribuição de revenda.

DESCONFIANÇA E PREÇOS

Nas cidades da região, os consumidores estão receosos. “Duvido. Tudo sobe no Brasil, nada baixa de preço. Se acontecer, pra mim será inédito”, comenta o auxiliar de serviços gerais, Izaltino da Costa, com gasto mensal médio de R$ 150 em gasolina. Já o vendedor Samuel Pereira, também encara com receio uma possível queda de preços. “Acho difícil, mas se acontecer será bem-vinda. Gasto R$ 200 todo mês com gasolina”, conta.

PESQUISA ANP

Segundo dados da Agência Nacional de Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o levantamento de preços realizados nas cidades da região entre os dias 5 e 11 desse mês, indicam que o litro do óleo diesel é comercializado com valor médio de R$ 3,777 em Barra Mansa. Na cidade de Resende o preço médio é de R$ 3,685/l e em Volta Redonda de R$ 3,805.

Em relação à gasolina, o litro é vendido em Barra Mansa com o valor médio de R$ 5,137. Em Resende, a gasolina é vendida em média por R$ 4,972/l e, em Volta Redonda, a R$5,147/l.

error: Conteúdo protegido !