Evento beneficente do Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer de Volta Redonda será animado pelo grupo Juremeiros

0

VOLTA REDONDA

Acontece domingo, 10, na PET Clube dos Funcionários de Volta Redonda a roda de Samba Azul de raiz com Juremeiros. O evento beneficente, que vai contar também com feira de artesanato e promete agitar o domingo no município, é uma realização do Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer (GAPC) e vai acontecer entre 12 horas e 18 horas.

Para os organizadores, será um domingo de calor, sol e solidariedade. E tudo isso combina com roda de samba de raiz e principalmente com os Juremeiros. O Samba Azul terá a renda revertida para o GAPC. O valor do  ingresso para o evento é R$15. “O samba tem sido uma forma de transformar e levar alegria as pessoas e com certeza, participar deste evento solidário é motivo de muito orgulho, ainda mais pelo tema que ele trata. Falar sobre a prevenção ao câncer de próstata e motivar os homens a se cuidar também é papel da música”, declarou Raphael Garcêz, vocalista dos Juremeiros.

As pessoas que participarem do evento, além de estar ajudando o GAPC, poderá se divertir com um repertório que só tem espaço para o samba de raiz de artistas como Agepê, Alcione, Benito Di Paula, Beth Carvalho, Bezerra da Silva, Cartola, Clara Nunes, Dona Ivone Lara, Jair Rodrigues, Jorge Aragão, João Nogueira, Martinho da Vila, Noel Rosa, Paulinho da Viola e tantos outros nomes consagrados da música.

GAPC

O Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer, é uma entidade sem fins lucrativos que tem como objetivo ajudar os portadores de câncer e suas famílias, fornecendo medicamentos, próteses, fraldas, suplementos alimentares, atendimentos psicológico, fisioterapêutico, nutricional e orientação jurídica, palestras, cursos e orientações sobre recursos e direitos. Eles também possuem projetos sociais que levam cuidado e informação até a população e, também, o Projeto Prevenir, um ônibus consultório para prevenção de câncer bucal, de pele e de mama.

É importante ressaltar que qualquer pessoa maior de 18 anos com diagnóstico de câncer comprovado pode ser atendida pela entidade. Basta o paciente procurar a unidade GAPC que fica localizada no bairro Jardim Amália, em Volta Redonda e se informar sobre os documentos que precisam ser levados para a realização do cadastro.

A missão do grupo é amenizar o sofrimento dos assistidos, portadores de neoplasia maligna, e de suas famílias, visto que o câncer é uma doença que, além de trazer sofrimento físico e emocional, pode causar uma desestruturação socioeconômica dessa família.

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !