Estudantes de medicina realizarão aulas práticas no Hospital Geral da Japuíba

0

ANGRA DOS REIS

A partir desta segunda-feira, 11, alunos da primeira turma do curso de Medicina, do campus da Universidade Estácio de Sá de Angra dos Reis, começarão a realizar aulas práticas no Hospital Geral da Japuíba (HGJ). Ao todo 30 alunos vão participar da atividade. Na manhã de ontem, 8, a unidade hospitalar e representantes do município deram as boas-vindas aos universitários.

O secretário executivo de saúde e diretor técnico médico do HGJ, Rodrigo Mucheli, explicou que os alunos a partir do 4º período participarão da atividade que no primeiro momento tratará das matérias de semiologia e propedêutica, que é o estudo dos sinais e sintomas da doença. “Eles irão aprender como realizar uma consulta médica, o que perguntar, como entrevistar o paciente”, disse, acrescentando que saber colher a história do paciente é de suma importante para conseguir descobrir o diagnóstico.

Rodrigo ainda explicou que existe um time de preceptores qualificado para receber e acompanhar os alunos nas atividades, e, que ao fim do período, os estudantes passarão por uma avaliação. “Eles terão a avaliação para saber sobre o comprometimento deles e foi cumprido ou não os quesitos técnicos das atividades. É um processo de aprendizado, mas também avaliativo”, frisou.

Outro ponto que o secretário destacou foi que o Ministério da Educação (MEC) e o Ministério da Saúde realizaram uma inspeção técnica no local e o hospital se enquadrou nas exigências. “Gostaria de manifestar a minha felicidade e satisfação. Pois batalhamos muito para conseguir isso”, contou.

ALUNOS COMEMORAM

Os universitários, que fizeram uma visita nas instalações do Hospital Geral da Japuíba, comentaram sua expectativa para este novo passo na formação acadêmica. A estudante, moradora de Volta Redonda, Clara Vilela, de 20 anos, disse está esperançosa com a nova experiência. “A expectativa está grande, para começarmos a aprender na prática tudo àquilo que já estudamos na sala de aula”, comemorou.

O coordenador do curso de Medicina da Estácio de Angra, João Antônio Pereira Correa, explica que a propedêutica, atividade que leva os universitários para o HGJ, é dividida em três momentos durante a semana; um que acontece no campus pela manhã e duas tardes (segundas e quartas) que acontecem no cenário prático. “Os universitários vão aprender as bases de conversa com os pacientes, coleta de histórias e também como fazer os exames físicos de todos os sistemas”, explicou.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !