Estácio inicia Programa de Alfabetização e Letramento de Jovens e Adultos

0

RESENDE

A Estácio abre inscrições para o Programa de Alfabetização e Letramento de Jovens e Adultos. As inscrições poderão ser realizadas até o dia 29 de fevereiro na unidade, que fica na Rua Zenaide Vilela, s/nº, no bairro Jardim Brasília. O Programa é gratuito.

A Estácio Resende oferece pela primeira vez o Programa que, desde sua criação em 2018, já contou com a participação de mais de 500 alunos. Nesta edição, a Estácio ampliou para 12 o número de unidades participantes. Segundo Cláudia Romano, vice-presidente de Relações Institucionais, Sustentabilidade e Comunicação da Estácio, a meta é levar o programa a todas as unidades da instituição no Brasil. “Estamos alinhados com os ODS 4 da ONU e queremos combater o analfabetismo e erradicá-lo no entorno de nossos campi. Os dados do IBGE nos mostram que a batalha ainda é bem grande”, comenta.

Para chegar aos alfabetizandos, a Estácio busca lembrar à comunidade no entorno das unidades, que todos podem contribuir para transformar significativamente a vida destas pessoas. “A maioria dos nossos alunos, precisa de alguém que os leve à Unidade para conhecer o programa. Neste momento, é fundamental que conhecidos e familiares os incentivem a dar este primeiro passo”, afirma Alexandra Witte Coordenadora do Programa.

O ensino é individualizado.

As aulas acontecerão no período noturno com duração de três horas por dia, duas vezes por semana, e são totalmente gratuitas. Durante quatro meses, os alfabetizandos terão aulas com estudantes dos cursos superiores de Licenciaturas da Estácio – como Pedagogia, Letras, História, Geografia e Matemática – além da participação do corpo docente da Instituição. O objetivo é de que, ao término, os alunos se tornem capazes de ler e escrever pequenos textos, com compreensão, além de resolver problemas matemáticos simples e usar de forma crítica informações veicula das nas diferentes mídias.

O Sistema Estácio de Alfabetização e Letramento agrega a alfabetização e letramento em língua portuguesa e matemática com a alfabetização e letramento midiático e informacional, e a modalidade de ensino presencial com o ensino digital. Outro diferencial é a comunicação por intermédio de mensagens de texto em aplicativo de dispositivo móvel, praticamente indispensável nos dias de hoje. Após o programa, o alfabetizado poderá exercer plenamente a sua cidadania, reconhecendo o seu valor e seu papel na sociedade, aumentando as suas chances de ingressar no mercado formal de trabalho e de dar continuidade aos estudos.

ODS 4 da ONU

O Programa de Responsabilidade Social da Estácio está alinhado ao Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) de número 4, da Organização das Nações Unidas (ONU), que deseja garantir que todos os jovens e uma substancial proporção dos adultos – homens e mulheres – estejam alfabetizados e tenham adquirido o conhecimento básico de matemática até 2030. De acordo com os dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados em junho 2019, o Brasil registra o número de 11,3 milhões de analfabetos entre a população de 15 anos ou mais.

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !