Especialistas visitam Pedreira da Voldac em Volta Redonda  

0

Dois profissionais da área de engenheira florestal, advogados, paisagista, assessor legislativo, além de um químico e montanhistas fizeram uma visita de reconhecimento à Pedreira da Voldac, no bairro de mesmo nome, em Volta Redonda. A visita dos profissionais, que aconteceu no último sábado, 5, foi orientada pela geóloga Sílvia Real, mestranda na Universidade Estadual Paulista (UNESP).

Inicialmente, com mapas e dados da área, a geóloga Sílvia apresentou os elementos científicos da área. “Será uma trilha diferenciada. Com cuidado, atentem seus olhares às possibilidades que possam transformar o espaço magnífico em um local com viés de lazer, pesquisa e turismo”, ressaltou a cientista ao orientar o ‘trabalho de campo’.

Durante duas horas, o grupo atento e se mostrando encantado, com anotações e debates, sinalizou novos passos no sentido de sensibilizarem a comunidade local e as autoridades para que voltem seus olhares para o local que guarda. “Trata-se de um potencial empreendedor fantástico”, definiu o engenheiro florestal, Gabriel Pereira, formado pela Universidade Federal do Rio de janeiro (UFRRJ).

Ao deixar o local, o grupo deparou com dois agentes públicos da Secretaria Municipal de Infraestrutura (SMI) de Volta Redonda que estavam observando a quantidade de lixo no entorno da mina d’água, a mil metros da pedreira, para operarem limpezas. “Solícitos a nosso pedido, ficaram de ver, mais acima, outros resíduos de lixo fotografados pelos especialistas”, destacou um integrante do grupo, José Maria da Silva, o Zezinho, representante do Movimento pela Ética na Política (MEP).

PRÓXIMOS PASSOS

Realização do relatório de campo pelo grupo, pontuando aspectos relacionados à fauna, flora, afloramento, resíduos nocivos e a argumentação de possibilidade de criação de um parque urbano com  múltiplas atividades e a criação de uma Área de Preservação Ambiental (APA), na linha de médio e longo prazo.

O segundo passo é a estruturação de Equipes de Sondagem junto à comunidade sobre o local e Equipe de Articulação para contatos com o Poder Público, organismos (conselhos) e universidades, além da visibilidade para a criação do grupo específico ‘Pedreira da Voldac: lazer, pesquisa e turismo’ via whatsapp, e um encontro ampliado da equipe e apoios no MEP, no dia 16 de fevereiro.

Ontem á tarde, secretários municipais sinalizaram receber os conselheiros do MEP e especialistas para discutirem sobre a Pedreira da Voldac. A informação é de que o presidente do IPPU, engenheiro Márcio Lins,agendou  para quinta, 10, uma reunião com os representantes do Movimento. Já a assessoria do novo secretário do meio ambiente, fez contato e ficou de definir ainda nesta semana uma agenda com o grupo. “Creio, as movimentações da sociedade civil organizada e as notícias de verbas disponibilizadas para projetos ambientais, darão ênfase socioambiental à cidade”, finalizou o representante do MEP.