Especialista fala sobre cuidados com a pele oleosa no verão

0

SUL FLUMINENSE

Com a chegada do calor, a intensidade dos raios solares aumenta e, com isso, a pele acaba ficando mais oleosa, fazendo com que o desconforto de muitas pessoas aumente. Se esse é o seu caso, não se desespere. Segundo a esteticista Heloisa Aquino, existem algumas procedimento que podem ajudar a manter sua pele sempre limpa e seca, sem perder a hidratação.

A principal dica é aplicar protetor solar cerca de 20 a 30 minutos antes da exposição solar e fazer renovação a cada 3 horas é importante para quem está na praia ou na piscina. “Mas quem fica exposto ao sol durante o trabalho também deve ter este cuidado todos os dias para evitar o câncer de pele. O protetor deve ser passado em toda a área da pele fica exposta ao sol. Assim, quem trabalha em ônibus e caminhões, pode, por exemplo, aplicar bastante protetor solar no braço e na mão esquerda porque estas tendem a ficar mais expostas ao sol”, destaca.

1 – Higienize e hidrate sua pele

Para manter sua pele limpa e livre de impurezas, lave o rosto pelo menos duas vezes ao dia, pela manhã e à noite, com água morna ou fria. Use produtos que condizem com o seu tipo de pele. “Depois de limpar a pele, você pode tonificá-la e hidratá-la. Sim, a pele oleosa precisa ser hidratada, já que a oleosidade não é sinônimo de hidratação e, por isso, é indispensável usar hidratantes próprios para o seu tipo de pele”, cita.

2 – Produtos em GEL ajudam a diminuir a oleosidade

Produtos com base em gel costumam ser livres de óleos e possuem uma textura mais fina e seca, penetrando com mais facilidade na pele. Isso deixa o toque mais seco e, é claro, a pele menos oleosa.

3 – Hidrate-se de dentro para fora

A falta de hidratação aumenta a produção de lipídeos. “Beber água é essencial para hidratação da nossa pele, além de fornecer nutrientes essenciais para as células”.

4 – Aposte nos filtros solares Oil-free ou toque seco

O filtro solar deve ser usado durante todo o ano, mas no verão esse hábito é essencial. Os produtos oil-free ou toque seco contém ativos que ajudam a reduzir a produção de sebo evitando aquele brilho indesejado no rosto.

5 – Evite banhos muitos quentes

O banho ideal é de morno para frio, já que a água quente pode deixar a pele mais desidratada. A consequência disso é que para voltar essa hidratação, nosso corpo aumenta a produção sebácea, deixando a nossa pele ainda mais oleosa.

6 – Faça limpeza de pele

O aumento das temperaturas, a exposição ao sol e à agentes externos tais como a poluição, faz aumentar a produção de oleosidade, gerando cravos e espinhas. O ideal é que você procure um especialista para avaliar o seu caso e fazer uma limpeza profunda da pele.

7 – A argila verde pode ser sua melhor amiga

A argila verde é ótima para peles oleosas e com acne, já que ela tem ação adstringente, esfoliante e secativa, o que ajuda a combater todos esses problemas. “Porém, além desses cuidados, a consulta a um especialista faz toda a diferença. Não podemos esquecer que a oleosidade é um processo de proteção normal da nossa pele, e tem uma função importante. Com alguns cuidados, o excesso de oleosidade pode ser controlado. O indicado é procurar um especialista para avaliar o seu tipo de pele e os melhores tratamentos para cada caso específico”, alerta Heloisa.

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !