Escolas recebem livros e cartilhas através de doações

0

RESENDE

Através do projeto ‘Estante de histórias’, as escolas municipais Professor Carlinhos e CIEP 489 – Augusto de Carvalho receberam estantes com 200 livros e 200 cartilhas para auxiliar no desenvolvimento da literatura dentro das salas de aula. A iniciativa Estante de Histórias se dá através de uma parceria entre a prefeitura, o Grupo Águas do Brasil e a instituição VR Projetos.

As duas unidades de ensino receberam ainda alguns outros tipos de materiais didáticos para ajudar no processo de inserção dos livros na rotina dos pequenos. Além disso, uma oficina com orientações e técnicas, ministrada pela jornalista Cristiane Ostermann, foi realizada no CIEP 489 com a participação do corpo docente das escolas beneficiadas.

Os livros foram entregues em uma estante personalizada com temas da literatura infantil e será uma peça de apoio nas escolas para professores e bibliotecários promoverem a leitura. Cada estante é composta por 100 livros infantis, diferentes adereços para ilustrar as histórias, material de apoio para os professores, e 100 cartilhas de atividades para alunos.

Na oficina de contação de histórias, os professores recebem material de apoio personalizado e aprendem novas formas de estimular o gosto pela leitura para os alunos. Outro destaque desta ação é a atividade de mediação de leitura para a comunidade e colaboradores da empresa, formando novos contadores de histórias voluntariados.

Segundo o superintendente da Águas das Agulhas Negras, Gabriel Roberti, a leitura estimula a curiosidade, a imaginação e a criatividade, além de levar informação e gerar novas percepções. “Mesmo em tempos de plataformas digitais, os livros ainda são fortes aliados da educação e do aprendizado. A Águas das Agulhas Negras valoriza projetos educacionais como o Estante de Histórias, e acredita na transformação que a leitura pode proporcionar aos estudantes de Resende”, disse o superintendente.

Nos meses de setembro e outubro, dois mil livros e duas mil cartilhas serão distribuídos pelo Grupo Águas do Brasil – que conta com 12 concessionárias distribuídas por 14 cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais – às escolas públicas do estado do Rio de Janeiro.

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !