Dois casos da variante ômicron são confirmados no Reino Unido

0

REINO UNIDO

As agências internacionais dão conta de que o ministro da Saúde, Sajid Javid, informou que foram confirmados dois casos da nova variante ômicron, no Reino Unido.

De acordo com as informações, Javid disse que o comunicado foi feito a ele pela agência de saúde. “Na noite passada, fui contatado pela Agência de Segurança de Saúde do Reino Unido. Fui informado de que eles detectaram dois casos dessa nova variante, ômicron, no Reino Unido. Um em Chelmsford, o outro em Nottingham”, disse o ministro.

Sajid Javid disse que os dois casos estão relacionados e há uma conexão com viagens para a África Austral (sul do continente). “Esses indivíduos ficarão isolados com suas famílias enquanto mais testes e rastreamento de contato estão em andamento”, informou.

O ministro reforçou que, como forma de precaução, serão implementados testes adicionais em Nottingham e Chelmsford e ainda o sequenciamento de todos os casos positivos.

Sajid disse que o Reino Unido adicionará Malawi, Moçambique, Zâmbia e Angola à sua ‘lista vermelha’ de viagens a partir das 4 horas de domingo, dia 28 (horário local), ou 1 horas (horário de Brasília). Com isso residentes britânicos e irlandeses que chegarem ao país terão que ficar em quarentena num hotel aprovado pelo governo por dez dias. Não residentes terão a entrada negada pelas autoridades. Nessa lista constavam Botsuana, Eswatini, Lesoto, Namíbia, África do Sul e Zimbábue. “Esta é uma situação que avança rapidamente e estamos para dar passos decisivos para proteger a saúde pública. Também estamos adicionando Malawi, Moçambique, Zâmbia e Angola à lista vermelha de viagens a partir das 4 horas de domingo. Se você voltou de lá nos últimos dez dias, deve se isolar e fazer testes de PCR’, alertou o ministro.

Casos suspeitos na Alemanha e República Tcheca

Na Alemanha, um caso suspeito de Covid-19 identificado na Alemanha tem ‘alta probabilidade’ de ser da variante ômicron, disse neste sábado uma autoridade regional do país.

Um viajante, que retornava da África do Sul, testou positivo para a doença e análises preliminares apontaram mutações parecidas com a da nova variante na cepa do vírus.