Direção da Escola Municipal Walmir de Freitas, em Volta Redonda, divulga nota negando boatos sobre tiroteio

0

VOLTA REDONDA

Na tarde de sexta-feira, 6, direção, pais de alunos da Escola Municipal Walmir de Freitas, no bairro Santa Rita do Zarur, em Volta Redonda, foram surpreendidos com informações de violência pelas redes sociais. Para tranquilizar a todos, as crianças foram mantidas na unidade escolar enquanto os pais e outros responsáveis foram comunicados para buscar os filhos antes do horário de saída. É que, conforme os boatos, o local teria sido alvo de tiroteio e que alunos e professores teriam se ferido. O que não ocorreu. Para maiores esclarecimentos, a direção da escola irá se reunir, na próxima semana, com a Comunidade Escolar. Na ocasião, o caso será discuto, avaliado e estratégias serão traçadas sobre a segurança e bem estar dos alunos e alunas.

Em comunicado aos pais e responsáveis pelos alunos, a direção da unidade escolar negou os boatos sobre tiroteio. Explicou no comunicado que, durante a tarde de sexta-feira, um caso de violência ocorreu nas imediações da Unidade Escolar e não dentro da unidade.

DIRETOR TRANQUILIZA OS PAIS 

No comunicado, o diretor geral da escola, Felipe Nóbrega, tranquiliza as famílias que nenhum aluno, aluna, professor ou professora foi ferido ou ocorreu qualquer tipo de violência dentro da unidade. “A Escola, em virtude de muitas ligações e demandas dos familiares para pegar os estudantes, suspendeu as aulas e realizou a liberação dos alunos que o responsável viesse pegar na escola. Salientamos que todos os responsáveis presentes em nosso grupo de Whatsapp foram comunicados e os demais realizamos contato telefônico e o último estudante foi entregue as 17h11min”, consta no comunicado.

O diretor segue ainda no comunicado alegando que muitas notícias mentirosas foram divulgadas nas redes sociais, grupos e afins, inventando que teve tiros na escola, aluno baleado e professor ferido. “Vale a repetição. Isso é mentira! “Concluiu a nota”.

APREENSÃO DA PM

A informação é de que homens teriam trocado tiros em um campo de futebol, que fica do lado da escola, mas a Polícia Militar foi acionada e enviou uma equipe ao local. Ninguém foi localizado no local, mas no Condomínio do ‘Minha Casa, Minha Vida’, do Ingá I, nas proximidades da escola os PMs apreenderam 17 trouxinhas de maconha, quatro pinos de cocaína e R$195 em dinheiro. O caso foi registrado na 93ª Delegacia de Polícia (DP), onde o caso foi registrado.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !