Desempenho de empregos formalizados no Estado é destaque

0

RIO DE JANEIRO

O Estado do Rio de Janeiro fechou o mês de fevereiro com o melhor desempenho em relação aos postos de trabalho formalizados, ou seja, com carteira assinada, desde 2014. O Estado ocupou, no mês, a sexta posição do ranking do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), publicado pela Secretaria de Trabalho, vinculada ao Ministério da Economia.

Segundo o secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Relações Internacionais, Lucas Tristão. este é o caminho. “Ainda temos cerca de 1,2 milhão desempregados. Não é para se comemorar, mas isso nos dá um alívio e é um sinal de que as coisas estão mudando e têm saída”, disse.

De acordo com a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Relações Internacionais, a boa posição no ranking pode ser atribuída aos resultados do segmento de serviços, que, impulsionados pela proximidade do Carnaval e turismo, obtiveram uma boa atuação, com cerca de oito mil novos postos de trabalho. A construção civil foi o segundo setor que mais contribuiu pela alavancada dos empregos formais no Rio. “Em janeiro, assumimos o governo ocupando a 27ª posição no ranking do Caged e tínhamos o pior saldo. Já no mês de fevereiro, publicado em março, pulamos para 6° colocado, com a criação de mais de 20 mil postos de trabalho no Rio de Janeiro”, ressaltou Tristão.

VAGAS DE EMPREGO

Nesta semana, as ofertas de emprego no Rio de Janeiro ultrapassam 500 oportunidades em todo o estado, sendo 363 na capital e 150 para o interior, Região Metropolitana e ainda, para pessoas com deficiência. O Sistema Nacional de Empregos (Sine-RJ) conta com a parceria do Governo do Estado do Rio de Janeiro.
A inscrição para se candidatar às vagas coletadas pela secretaria tem que ser feita nos postos Sine/Sedeger. Ao se dirigir a uma unidade para se candidatar, o trabalhador deve verificar se o perfil que tem cadastrado no sistema é compatível com a oportunidade existente. O interessado também tem como alternativa se candidatar e verificar as oportunidades disponíveis por meio do aplicativo Sine Fácil ou pelo site Emprega Brasil (https://empregabrasil.mte.gov.br/).

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !