Deputados estaduais de Pernambuco visitam Eletronuclear

0

ANGRA DOS REIS

Ontem, a Eletronuclear recebeu uma comitiva de deputados estaduais de Pernambuco. Eles foram conhecer as usinas nucleares locais, pois existe um projeto de construção de uma usina nuclear em Itacuruba, sertão pernambucano. Os parlamentares, alguns deles da Comissão de Ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa de Pernambuco, vieram conhecer o funcionamento do complexo nuclear brasileiro e saber sobre os impactos socioambientais no município de Angra e na região. Eles foram recebidos pelo diretor-presidente da Eletronuclear, Leonam dos Santos Guimarães, e pelo prefeito de Angra dos Reis, Fernando Jordão.

Atualmente na Eletronuclear são 1,7 mil funcionários, sendo 1.291 em Angra dos Reis. Atualmente, o faturamento bruto é de R$ 3,4 bilhões. As informações foram dadas pelo diretor-presidente da Eletronuclear. Ele esclareceu que com as usinas Angra 1 e Angra 2, a Eletronuclear produz 40% da energia do Estado do Rio de Janeiro e 3% da energia do Brasil. Além de outros dados sobre desempenho operacional, o representante da empresa falou sobre a cultura de segurança que a instituição possui e as formas de fiscalização da atividade nuclear. A produção da empresa é fiscalizada por quatro órgãos (Comissão Nacional de Energia Nuclear, Ibama, Agência Internacional de Energia Atômica e The World Association of Nuclear Operators) e também por institutos de resseguros.

O diretor-presidente abordou também as etapas para a implantação de novas usinas nucleares no Brasil e os impactos socioeconômicos que uma unidade em Itacuruba pode gerar para a comunidade local. “O modelo de negócio será diferente do das usinas de Angra (1 e 2) e parecido com a de Angra 3, com participação do capital privado”, explicou, lembrando, com otimismo, que o projeto para a construção de Angra 3 foi retomado por meio de um decreto presidencial neste ano.

Fernando Jordão explicou que a matriz energética nuclear é muito importante para o país e que o município de Angra dos Reis possui uma relação muito boa com a Eletronuclear, que ele afirmou ser uma empresa com compromisso socioambiental. “Nós temos uma boa parceria com a Eletronuclear. Tanto que acabamos de firmar um convênio de R$ 6 milhões para a construção de duas unidades de saúde: uma no Frade e a outra no Parque Mambucaba”, exemplificou o prefeito. A verba virá da empresa.

O prefeito lembrou aos parlamentares pernambucanos que quando era deputado federal propôs um projeto para que os municípios que sediarem usinas nucleares tenham direto, além do ISS e parte do ICMS, a royalties da energia produzida, de forma semelhante a como acontece com a produção de petróleo. “O projeto está tramitando e passando por alterações. Vocês podem fazer proposições e juntar o meu projeto ao de vocês”, sugeriu, reforçando que a região de Angra cresceu muito com a usina.

Nesta sexta-feira, os parlamentares visitam o Hospital de Praia Brava, o Hospital Geral Municipal da Japuíba, a Clínica da Dor e a UPA. Eles também passarão pelo Centro de Angra, para um almoço no cais de Santa Luzia.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !