Deputado federal Antonio Furtado tem reunião com secretário Estadual da Polícia Civil

0

SUL FLUMINENSE/ BARRA MANSA

A falta de efetivo nas delegacias do Estado tem sido uma preocupação constante do deputado federal Antonio Furtado. Devido a Lei de Recuperação Fiscal, aprovada em 2017 como forma de regularizar a situação financeira do  Rio de Janeiro, foi necessário um duro ajuste e a proibição da abertura de novos concursos públicos. Com o objetivo de melhorar o serviço prestado pela polícia e conseguir manter a proposta de abertura de uma Deam, em Barra Mansa, o parlamentar esteve em reunião com o secretário Estadual de Polícia Civil, Allan Turnowski. Também participaram da conversa o deputado estadual Marcelo Cabeleireiro, a vice-prefeita de Barra Mansa, Fátima Lima, a delegada coordenadora da Delegacia Geral de Polícia (Degepol), Sandra Ornelas e o Diretor do Departamento  de Polícia do Interior, Delegado Pedro Medina.

“Sabemos que a Polícia Civil vive uma dificuldade em relação a efetivo. Por conta da Lei de Recuperação Fiscal, não podem ser feitos concursos públicos no Rio de Janeiro. Com isso existe a dificuldade em lotar novos servidores nas delegacias. Entendo que existe uma maneira de resolver esse problema da falta de policiais chamando os excedentes, aqueles que foram aprovados fora das vagas inicialmente previstas, no concurso de Oficial de Cartório realizado em 2013”, defendeu o deputado federal Antonio Furtado.

A diminuição na quantidade do efetivo dos policiais e nos investimentos nas delegacias, também estão influenciando na liberação da abertura da Deam em Barra Mansa. Como forma de mostrar as possibilidades, mesmo com as dificuldades financeiras, foi entregue um planejamento e propostas para que a nova delegacia da Mulher possa começar a funcionar.

“É necessário ter um local adequado para que casos de violência contra a mulher possam ser reprimidos. É por isso que pensamos em soluções alternativas para que o momento de recuperação fiscal não impeça esse sonho da população de Barra Mansa. Estou trabalhando para que os concursados de oficial de cartório de 2013 possam assumir e trabalhar nas delegacias. Está ainda sob análise da procuradoria do estado, mas nossa luta é para esses Policiais assumirem. Eles sabem que podem contar comigo. A sociedade só tem a ganhar e merece um atendimento de qualidade”, afirmou o deputado Delegado Antonio Furtado.

A intenção é que a unidade da Deam seja instalada no espaço onde ficava a antiga corregedoria da Polícia Civil, no Centro, em Barra Mansa. Além do esforço em aumentar o efetivo de policiais, as instalações serão providenciadas em uma força tarefa entre os poderes municipal, estadual e federal, com a reforma e adequações necessárias pela prefeitura, um carro da Guarda Municipal a disposição e recursos liberados pelo deputado federal Delegado Antonio Furtado e o deputado estadual Marcelo Cabeleireiro para a compra de uma viatura para a Deam.

“É um sonho da população que a Deam seja implantada em Barra Mansa. Vamos trabalhar junto ao governo do Estado, com o secretário de Polícia Civil, para que consigamos implementar esse projeto. Será um trabalho de parceria, prefeito, deputados e polícia civil”, destacou o deputado estadual Marcelo Cabelereiro.