Deputado Chico Alencar lança neste sábado, em Volta Redonda, a plataforma “Vamos! Sem medo de mudar o Brasil”

0

O deputado federal Chico Alencar (PSOL-RJ) estará, nesse sábado, em Volta Redonda para uma série de atividades. A principal delas é o lançamento da plataforma Vamos! A agenda terá inicio, às 10 horas com panfletagem de divulgação do debate da plataforma na feira livre do bairro Aterrado. Para às 12 horas está programado almoço com o bispo diocesano Dom Francisco Biasin, em Barra do Piraí. Será um encontro fechado à imprensa.
Às 15 horas, novamente em Volta Redonda, o parlamentar estará fazendo o lançamento da plataforma “Vamos! Sem medo de mudar o Brasil”. Ele irá integrar a Mesa de Debate com o tema “Territórios e Meio Ambiente”. Estarão também presentes o vereador do PSOL no Rio de Janeiro, Tarcísio Motta, a representante da Cooperativa das Catadoras de Resíduos, Maria Nazaré Santos, o defensor público, Cláudio Luiz dos Santos, o engenheiro florestal e analista ambiental do ICMBio, Sandro Leonardo Alves, o advogado militante da Política de Moradia, Sandro Leonardo Alves, além das representante do Sindipetro, do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto, e da Comissão Ambiental Sul-RJ, Natália Russo, a Ana Paula Perles e Jussara C, respectivamente. O encontro vai acontecer no Memorial Zumbi, na Vila Santa Cecília.
Segundo o deputado, o “Vamos! Sem medo de mudar o Brasil” é uma iniciativa da Frente Povo Sem Medo que agrega contribuições para mudar o Brasil. Com um programa estruturado em 5 eixos, segundo ele, lança o desafio de construir um programa feito sem medo e pelo próprio povo.
O deputado informou que, cidades de todo o Brasil já estão realizando encontros com especialistas de cada um dos eixos para provocar a discussão e pactuar consensos. ”Online, um manifesto orienta a discussão dos eixos e cada cidadão poderá participar levantando propostas e interagindo com as existentes, o que gera um processo ativo de participação social. Ao final do ciclo de discussões, o acúmulo será disponibilizado, de forma transparente e aberta”, explicou Alencar.

 

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !