Corrida Federal Kids reúne centenas de pessoas no Aeroclube, em Volta Redonda

0

VOLTA REDONDA

Centenas de pessoas participaram hoje da corrida Federal Kids. O evento das 8 às 12 horas, na Avenida Radial Leste, bairro Aeroclube, onde acontece a Rua de Lazer. O objetivo é conscientizar sobre a importância do combate à pedofilia e a exploração infantil.

A corrida Federal Kids aconteceu em parceria entre a prefeitura, e a Polícia Federal, além de outros órgãos militares, privados e secretarias do governo municipal. A organização logística do evento ficou por conta da SMEL (Secretaria Municipal de Esporte e Lazer).

Venceram a prova Kids Evellyn Jéssica Estevão Ferreira, 26, e Isaac Ferreira Morais, de seis anos.

O A VOZ DA CIDADE conversou com Alessandro Nogueira Marcelo, responsável pela produção do evento. Segundo ele, mais de três mil pessoas participaram no total e deste número, mais de mil competiram dentro das três modalidades. Para ele, o evento foi super positivo e superou todas as expectativas.

Questionado sobre o tema, ele falou da importância em se levantar o assunto dentro de casa e da sociedade. “A criança muitas vezes não sabe o que está acontecendo, o que é isso. E a pedofilia, por incrível que parece, hoje acontece mais dentro de casa do que nas ruas. A família deve se atentar a criança, observar suas atitudes, conversar, explicar”, falou Alessandro.

A Polícia Rodoviária Federal também esteve presente no evento, com o  Inspetor Coutinho Chefe do NPF da 7ª Del participando da corrida, presença de Policiais Rodoviários Federais uniformizados e exposição de viaturas da PRF.

Segundo o coordenador-geral do evento, delegado Clayton Bezerra, o maior aliado para o abuso sexual da criança e do adolescente é o medo e a vergonha, já que 70% dos casos acontecem dentro da casa da vítima, por um familiar, ou alguém bem próximo da família. O delegado, que é também presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia Federal no Estado do Rio, destacou que, o objetivo é desmistificar isso. Lembrou ainda que, a verdade pode estar muito próxima casa.

Clayton lembrou ainda que, a primeira edição deste evento foi realizada no dia 26 de novembro do ano passado, no Boulevard Olímpico, no Rio de Janeiro, onde contou com a presença de mais de 1,5 mil pessoas.

Em Volta Redonda foi a segunda edição do evento e a primeira deste ano. “A princípio a ideia foi levar a prevenção primária, despertando a atenção da população sobre este tema”, explicou Clayton, lembrando que, a intenção é fazer a corrida em todo o Estado.