Conheça os candidatos à Prefeitura de Resende

0

A partir de hoje o jornal apresenta os candidatos à prefeitura de Resende.

Cristiano Gonçalves (10) – Republicanos

Foto: Divulgação

Cristiano Gonçalves é empresário, estudante de Direito e Pedagogia, Coach Político, professor de empreendedorismo, escritor, palestrante e presidente do Rotary Resende. Bisneto de Oliveira Botelho, tem 42, anos é casado com Aline Gonçalves e atua na política há 25 anos. Foi líder estudantil e presidente da Associação dos Moradores da Cidade Alegria. Foi assessor parlamentar e estrategista de campanhas em diversas cidades do Brasil, sobretudo em Resende. Ele afirma que a base filosófica do Rotary Clube é muito influente em sua vida: “dar de si, antes de pensar em si”. Em 2012 graduou-se em Personal e Professional Coach, quando se tornou o primeiro Coach Político do Brasil. Desta experiência, fundou o projeto de formação denominado “Autores da Pátria”, que lhe dá reconhecimento nacional em treinamento, com mais de um milhão de visualizações nas redes sociais. No desempenho de funções públicas, Cristiano destaca a atuação no Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Saúde Pública, Transporte e Trânsito. Representou a cidade de Resende em importantes plenárias nacionais nas áreas de Saúde, Infância e Adolescência. Nas escolas da cidade foi professor de educação financeira e empreendedorismo. Ele conta que é empreendedor desde os 13 anos de idade, quando inaugurou uma locadora de jogos e gibis. Ao longo das diversas experiências vividas, também toma como parâmetro os ensinamentos do escotismo, que valorizam Deus, a Família e a Pátria. Nestas eleições, coloca em debate um modelo de desenvolvimento que planeja a cidade para a próxima década, com preocupações em transparência, sustentabilidade, ciência e tecnologia, educação inclusiva, economia criativa e negócios de impacto social, sobretudo no agronegócio e agricultura familiar. Sua coligação é denominada “Resende acima de tudo”.

Diogo Balieiro (25) – DEM

Foto: Divulgação

Diogo Gonçalves Balieiro Diniz é nascido e criado no município de Resende. Ao concluir o ensino médio, passou para Medicina em diversas universidades públicas, e escolheu estudar na Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ). Especializou-se em Oftalmologia, tendo feito residência no Hospital Pedro Ernesto, também da Uerj. Ingressou no serviço público como médico oftalmologista na Prefeitura de Resende por concurso, passando em primeiro lugar. Pouco tempo depois se tornou diretor da unidade, que é o principal hospital público da região. Foi eleito prefeito, em 2016, e se tornou, aos 38 anos, o 42º prefeito de Resende. Diogo é filiado ao DEM. Diogo Balieiro é cristão católico praticante, e pai do pequeno Francisco, de 5 anos. Como gestor público, prioriza a Saúde, a Educação e projetos que proporcionam o bem estar da população de Resende, seja com amplas reformas ou criação de novos espaços. Após um primeiro ano de mandato considerado difícil, com uma grande dívida a ser equacionada e com o estado e o país em forte crise, Diogo conseguiu colocar as finanças de Resende em ordem e ainda fez o município alcançar patamares nunca antes atingidos. A cidade tem hoje o melhor sistema de saúde do estado e a segunda melhor rede de Educação, ficando atrás apenas de Niterói. Resende também ganhou o título nacional de “Prefeito Amigo da Criança”, que veio da prestigiada Fundação Abrinq. Alcançar tantas melhorias só foi possível graças a um choque de gestão ainda no primeiro ano de governo, com redução de gastos através de corte de secretarias, cargos comissionados, aluguéis e contratos.

Gabriela Lima (13) – PT

Foto: Divulgação

Gabriela Lima é candidata à prefeitura de Resende pelo Partido dos Trabalhadores (PT).  É carioca, tem 45 anos, mãe de um adolescente de 14, adotou Resende como seu lar em 2015.  Conheceu a cidade na adolescência quando passava férias e feriados na casa de amigos. Desde 1990 acompanha o desenvolvimento de Resende e das cidades vizinhas. No Rio de Janeiro trabalhou como maquiadora artística em produções audiovisuais, cuidava da família e da casa, mas preocupada com a qualidade de vida e com a violência dos centros urbanos, mudou-se para Resende para usufruir da tranquilidade de uma cidade de interior ficando mais perto de seus pais, que já estavam em Penedo desde 2003. Chegando em Resende constatou que morar numa cidade é bem diferente de passar férias, observou que há uma parcela da população desassistida, que os serviços públicos merecem mais atenção e que poderia contribuir nesse sentido oferecendo à cidade uma alternativa na direção do desenvolvimento social e da diminuição das desigualdades. Atualmente, é graduanda em Serviço Social, ativista pelos direitos da mulher, cofundadora do Primavera Lilás, coletivo de mulheres e secretária do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher. Seu trabalho envolve a luta pelo avanço dos direitos, pela diminuição da desigualdade social, pelo desenvolvimento social e econômico e por uma política humanizada, voltada para o bem-estar social com governos eficientes, transparentes e igualitários. Ao seu lado tem como candidato a vice-prefeito Melzaque Caetano, 51 anos, Analista da Fazenda Estadual. Ambos são do PT.

Laureano (70) – Avante

Foto: Divulgação

Advogado, Laureano é candidato a prefeito de Resende nas eleições deste ano de 2020. Formado bacharel em Direito e aprovado na OAB em direito administrativo, Laureano tem 54anos. Ele, filiado ao Avante, advoga nas áreas trabalhista cível e defesa do consumidor e criminalista. Laureano foi vereador em 1996 a 2000, o segundo melhor votado na cidade, tendo se destacado combatendo o uso indevido de recursos públicos e desenvolvendo vários projetos sociais. Foi candidato a prefeito em 2000 obtendo 6.400 votos. O candidato a vice-prefeito em sua chapa é o pastor Joel Cardoso. Sua principal proposta é a valorização do ser humano investindo de forma correta os recursos públicos.  O nome da sua coligação e ‘Agora é Laureano o Candidato do Povo Sangue Bom’.

Robson Dias (65) – PCdoB

Foto: Divulgação

Robson Dias, aposentado, é natural de Bocaina de Minas e logo menino se mudou pra Resende. Se formou no magistério e lecionou em várias escolas de nossa região. É formado em Filosofia e Teologia. Robson Dias exerceu a função de secretário de Educação de Resende no Governo Eduardo Mehoas e mais tarde presidente da Fundação Casa da Cultura. Também foi diretor do Ciretran em Resende. Robson Dias quer colocar sua experiência administrativa e de vida à disposição dos resendenses que clamam por melhorias para nossa cidade com foco na educação e na assistência social. Lembramos que o novo prefeito irá assumir num cenário de pós-pandemia, com muitas dificuldades. Buscará atender prioridades com dedicação ao atendimento dos mais carentes. Robson Dias estimulará a participação da sociedade na elaboração do Orçamento Público e valorizará a atuação dos Conselhos Municipais. Dará ênfase na Educação e Saúde interligando estas áreas.

Selma Álamo (90) – Pros

Foto: Divulgação

Selma Correia Álamo é nascida na cidade do Rio de Janeiro. É casada, tem quatro filhos e seis netos. Cristã, chegou a morar em Belo Horizonte numa indústria de cimento, retornando ao Rio de Janeiro, onde iniciou como empresária na área de prestação de serviços de segurança patrimonial e eletrônica. Mora em Resende desde 2005, tem uma empresa de prestação de serviço no seguimento funerário e plano funerário. Foi candidata a vereadora pelo PP no ano de 2012, atualmente é filiada ao PROS, onde se propõe a fazer uma gestão para o povo com dignidade, respeito e transparência. Nunca ocupou cargo nenhum público dentro do município de Resende e diz que não tem nenhum vício da velha política resendense, pois diante desses 25 anos da sua vida profissional como gestora das suas empresas se sente capaz de estar à frente da prefeitura e ao lado de sua candidata a vice-prefeita, Claudia Luísa, que é funcionária pública e é professora há 35 anos. Os principais pontos de seu plano de governo, são: informatizar as áreas de maior deficiência ao atendimento ao público; como tem uma candidata à vice-prefeita professora da rede pública, irão inovar a educação em Resende; investir mais na cultura de Resende, promovendo mais feiras artesanais, promover atividades nos finais de semana nas áreas de lazer de todos os bairros; fazer um grande projeto para os idosos com atividades em geral; melhorar a qualidade de vida nos bairros que ainda não possuem saneamento básico; retornar com o restaurante e a farmácia popular, por isso, já iniciou uma conversa com a deputada federal Clarissa Garotinho, que apoiará o projeto, com a possibilidade de ampliação para mais bairros da cidade; fazer um projeto na segurança pública onde também retornaremos com a delegacia legal, quer promover o reaparelhamento da Guarda Municipal.

Silvio de Carvalho (12) – PDT

Foto: Divulgação

Sexto de uma geração de empreendedores resendenses, a partir da sua tataravó, Bernarda Brandão, primeira professora pública de Resende, Silvio de Carvalho nasceu em 18 de março de 1966. Cresceu em Engenheiro Passos e desde os 16 anos trabalha. Foi vereador de 1997 a 2000. Depois disso ocupou posições de destaque no Governo do Estado. Em 2004 se elegeu prefeito de Resende, ficando no cargo até 2008 e deixando um legado de desenvolvimento e geração de empregos. Como prefeito suas realizações foram diversas. Resende teve um grande projeto habitacional, com a construção de 841 casas populares, além da geração de 800 empregos diretos. Com a regularização fundiária, mais de 500 famílias carentes foram assistidas e receberam a documentação de suas casas. Ele também implantou o IPTU Social, que fez justiça a mais de 17 mil famílias em condições de baixa renda. Outro de seus grandes feitos pela cidade foi o projeto de pavimentação, o maior da história de Resende, que resultou em asfalto de qualidade para 300 ruas em 46 bairros. Além disso, na sua gestão ocorreu construção do Acesso Oeste. Silvio também conseguiu fazer com que as empresas de Resende pudessem exportar para todo o mundo, e também trouxe a Votorantim para a cidade. Houve ainda a construção de escolas, reestruturação de diversos prédios públicos, o resgate do Cine Vitória, a volta do Resende Futebol Clube à primeira divisão do futebol do Rio. Teve ainda o investimento em saúde preventiva, o combate à dengue, hanseníase e outras doenças infecciosas, mais a construção de postos de saúde, ampliação do PSF e as policlínicas, a ampliação do Hospital de Emergência, as farmácias populares e muitos mais. Muito do que foi realizado há 12 anos gera frutos até os dias de hoje. Sílvio de Carvalho é candidato a prefeito de Resende pelo PDT e sua principal meta é Resende voltar a crescer.

error: Conteúdo protegido !