Desproporcional

0

Temos ouvido estarrecidos os noticiários de agressões, violências, torturas e até mortes de mulheres por seus maridos ou amantes. Mulheres que se unindo a um homem, espera uma vida feliz, em paz e segura ao lado do seu marido. Cheias de sonhos no seu matrimonio, esperando prosperidade, filhos e amor. Mas se deparam com o absurdo de um homem violento, mal tratos verbais e psicológicos, ultrajes, traições, privações e até assassinatos. No ano de 2017 foram registrados oitenta e sete mil assassinatos de mulheres no Brasil. Homens se prevalecendo da sua autoridade, sua masculinidade, sua força, peso. E se lançam…

Palavras da Verdade

0

Tudo é guerra  Guerra é competição, é contenda; é um querendo usurpar e lutar para dominar o outro. É pelejar para conquistar território e triunfar, se engrandecer com a derrota do outro. As guerras acontecem por causa da avareza por causa do orgulho e das possibilidades de conquistas; seja justa ou injusta, legal ou ilegal, ou por meio do engano, violência, política ou transgressão. São Tiago descreve os motivos das guerras que há entre nós quando disse: Donde vêm as guerras e contendas entre vós? Porventura não vêm disto, dos vossos deleites, que nos vossos membros guerreiam? Cobiçais e nada…

O que te espera depois dessa tua vida na terra?

0

Cada um de nós, temos a liberdade de agir, de realizar. De pôr em pratica tudo o que quisermos aqui na terra. Foi Deus que deu esta liberdade a todo ser vivente para que o homem ou a mulher tenha a sua própria escolha; do bem ou do mal. Do seu destino eterno; céu ou inferno. É o homem que deve desenvolver seu esforço; dedicação, amor e meta por alcançar a glória. Assim como ele se esforça por alcançar seus objetivos aqui na terra; também deve por seu esforço para alcançar um bom lugar na eternidade. De se aproximar ou…

O atestado de óbito cancelado

0

De uma pequena cidade chamada Naim, na Palestina saía um cortejo, uma multidão em profunda tristeza, porque era levado ao rumo do cemitério um defunto, um jovem que era filho único de sua mãe, que era viúva. A pobre mulher, em estado deplorável; pois ali estava a sua esperança sendo levada para nunca mais voltar aos seus braços, sua esperança de sua subsistência, o que supria o vazio de sua viuvez. Uma viúva naquele tempo estava fadada á mendicância. O cortejo de, pois de ter passado pela porta da cidade, (naquele tempo a porta da cidade era o lugar de…

1 12 13 14 15 16 23
error: Conteúdo protegido !