Coluna alinhada e descansos programados são necessários para uma boa saúde articular

0

BARRA MANSA

Postura. Toda posição, seja ela sentada, em pé ou deitada, é capaz de gerar sobrecarga para as articulações. As consequências não são boas: os desalinhamentos ósseos podem ocasionar Tendinite; Bursite; Artrose; Dores crônicas; Deformidade; Desgaste do disco com hérnias de disco e Estenose. Os principais tipos de problema de postura são aqueles que geram maiores limitações funcionais e sintomas de dor.

De acordo com o fisioterapeuta, Marcos Neto, as estruturas articulares se desgastam de acordo com o estresse aplicado a elas. “Mesmo que um indivíduo esteja com uma boa postura em uma fila de banco, por exemplo, se esse tempo se prolongar por 20, 30, 40 minutos ou mais, o corpo apresentará sinais de cansaço, como dores nas pernas, na cervical, nos quadris ou na coluna, por exemplo. Isso acaba provocando alterações na posição do corpo, a fim de aliviar os pontos de pressão nas articulações”, cita.

Marcos explica que posturas que aumentam a sobrecarga articular podem acelerar o processo de desgaste dos componentes articulares, como as cartilagens articulares, discos intervertebrais da coluna, sobrecarregar os músculos, tendões, ligamentos, resultando em desalinhamentos ósseos. “O mais preocupante é quando há a associação de posturas menos adequadas por um longo período de tempo com movimentos repetitivos e o tempo de descanso insuficiente. É o caso de pessoas que trabalham por muito tempo na posição sentada sem os critérios ergonômicos adequados e sem intervalos regulares”, acrescenta o fisioterapeuta.

Como Marcos mencionou, um típico caso de má postura é o de pessoas que trabalham por muito tempo na posição sentada, sem os critérios ergonômicos adequados e sem intervalos regulares para esticar o corpo. Outro alerta é ficar muito tempo no celular com a cabeça projetada para a frente não é recomendado. “Essa posição aumenta o peso que a cervical tem que carregar pela alteração do braço de alavanca em relação ao peso da cabeça. Além disso, ficar muito tempo de pé em posição inclinada para frente sobrecarrega a lombar. Sentar-se de qualquer jeito sobrecarrega a lombar. Dormir sem atentar se a coluna está reta e apoiada também está entre os fatores prejudiciais para a coluna”, enumera.

Atividades físicas que podem ajudar

Para determinar qual atividade física se deve fazer para melhorar a postura, é preciso previamente a identificação da causa. Assim, em casos de encurtamentos ou fraquezas musculares, por exemplo, o recomendado é que se faça alterações posturais, alongamentos e fortalecimentos. Além disso, Marcos lembra que é possível prevenir problemas ocasionados pela má postura realizando exercício físico resistido associado a exercícios de flexibilidade. O fisioterapeuta afirma que eles são valiosos para manter o alinhamento mais adequado do esqueleto. Exercícios como Pilates; Yoga; Tai chi chuan; Musculação; Hidroginástica; Natação são recomendados.

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !