Coleta seletiva em Volta Redonda é fortalecida com criação de novo Ecopolo

0

Visando fortalecer cada vez mais as cooperativas em Volta Redonda, o Governo Municipal decidiu estruturar ainda mais a coleta seletiva com a criação de um novo ecopolo municipal. Vale lembrar que o município é o único no Estado de Rio de Janeiro em que a coleta seletiva está estruturada e existe um contrato formal com as cooperativas. Esse foi um dos assuntos debatidos na reunião que aconteceu nesta semana no gabinete do prefeito Samuca Silva.

Segundo informou o secretário Municipal de Meio Ambiente, Maurício Ruiz, o ecopolo ficará no bairro Dom Bosco e expectativa é que três cooperativas funcionem no mesmo espaço, otimizando o serviço desenvolvido. Disse o secretário que o local no Dom Bosco atende de imediato aos requisitos como acessibilidade e condições de trabalho das pessoas. “A gente sai de uma situação que não é apropriada e coloca as cooperativas num local adequado do ponto de vista ambiental e de saúde. Isso sem mexer na estrutura”, informou o secretário.

A previsão é que a mudança para o novo ecopolo aconteça até o dia 30 deste mês, para que as cooperativas iniciem o mês de junho em nova localidade. Ruiz lembrou que essa mudança é necessária.

Estiveram presentes no evento, que aconteceu na tarde de terça-feira, 30,

o secretário de Meio Ambiente e representantes da Defensoria Pública da União (DPU), Defensoria Pública do Estado (DPE), da Universidade Federal Fluminense (UFF) e das três cooperativas que atuam na cidade, a Folha Verde, Cidade do Aço e a Recicla VR.

 

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !