Cidade do Aço contabiliza mais uma morte por coronavírus

0

VOLTA REDONDA

Na tarde deste sábado, dia 23, o prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, confirmou a 29ª morte provocada pela Covid-19. A vítima é uma de 33 anos, que estava grávida, e que teve o bebê retirado e está em uma UTI Neo-Natal na rede pública de saúde. A informação foi dada pelo prefeito em live feita diretamente do Hospital do Idoso, nas redes sociais.

De acordo com o prefeito, na cidade do Aço, no total, foram infectadas 835 pessoas, sendo que 640 já estão recuperadas da doença. Ou seja, em Volta Redonda, até o momento, 195 pessoas estão com o vírus ativo no organismo. Samuca disse ainda que, 593 resultados deram negativos para o coronavírus. O número de casos suspeitos passou de 2.079 para 2.152 notificações na Secretaria Municipal de Saúde.

De acordo com Samuca, o município se mantém dentro das metas estabelecidas na Justiça para a flexibilização do comércio, que deve reabrir na próxima quinta-feira, dia 28.

Ainda de acordo com o prefeito, o aumento no número de casos notificados está em 3.51%. A taxa de ocupação dos leitos de  Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) está em 7.40%, na rede e no Hospital de Campanha, montado no Estádio Raulino de Oliveira, em 4%.

Ainda na transmissão, Samuca Silva informou que a Prefeitura de Volta Redonda aumentou o número de leitos na rede pública municipal, no segundo andar do Hospital do Idoso. Ele disse que há leitos disponíveis para os casos de Covid-19. O prefeito destacou que “há um plano operativo na unidade para atender os pacientes, caso haja um aumento de casos que precisem de internação”.

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !