Câmara pede reunião com Ministério Público para discutir serviços prestado por Colitur e Light

0

RIO CLARO

A prestação de serviços da empresa Colitur será debatida entre os vereadores e o Ministério Público. A iniciativa para o pedido de reunião partiu do vereador Jorge Antônio Abreu (PDT) e foi aprovado pelo plenário da Câmara Municipal recentemente. O encontro foi solicitado com a Promotoria de Tutela Coletiva. Além da Colitur, serão debatidos ainda os serviços prestados pela Light, concessionária de energia elétrica.

O vereador Jorge Antônio falou, ao justificar o requerimento, que a empresa Colitur, detentora das linhas municipais de transporte público vem exercendo suas funções, com contrato vencido há três anos, estando prestando um serviço deficitário que causa prejuízos à população, não cumprindo horários, além dos atrasos constantes.

Sobre a Light, o vereador destacou as constantes faltas de energia elétrica, além da oscilação no fornecimento que tem ocasionado queima de aparelhos eletroeletrônicos em residências.

As assessorias da Colitur e da Light foram procuradas pela equipe de reportagem. A Colitur não se manifestou e a concessionária disse que está trabalhando intensamente no município de Rio Claro realizando várias ações programadas de manutenção e diversos projetos de melhoria na rede buscando garantir a eficácia do fornecimento de energia para a região. Listou um Plano Especial para o município a partir de 2019, buscando a satisfação dos seus clientes, como, por exemplo, podas de árvores, substituição de estruturas e postes, troca de cabos, instalação de equipamentos de proteção, limpeza de faixas, dentre outros pontos.

 

 

 

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !