Câmara de Vereadores segue decreto do governador e dispensa funcionários até 15 de abril

0

VOLTA REDONDA

A Câmara de Vereadores retornou aos trabalhos na tarde de hoje, 1º de abril, atendendo ao Ato nº 10.342, que suspendeu as atividades da Casa Legislativa do dia 23 de março a 31, em consideração à pandemia do coronavírus (Covid 19). Segundo o presidente, em consideração ao decreto do governador do Estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, publicado no Diário Oficial do Estado, na segunda-feira, 30 de março, decidiu manter os funcionários afastados das atividades.
O decreto prorroga as medidas para reduzir a movimentação e aglomeração de pessoas nas cidades do Estado, que dispõe sobre as medidas de enfrentamento da propagação decorrente do novo coronavírus por causa da situação de emergência em saúde. Neném fez um novo ato dispensando as atividades dos servidores da Casa Legislativa por mais 14 dias, no período de 2 a 15 de abril. “Todos os setores administrativos atuarão em regime de plantão em caso de necessidade premente. Lembrou que todos os vereadores estão trabalhando e que apenas foi suspenso o atendimento ao público, como nas últimas sessões plenárias”, disse.
Na última quinta-feira, 26, atendendo a um pedido do Executivo Municipal e as necessidades do município, o presidente do Legislativo, vereador Nilton Alves de Faria, o Neném, realizou uma sessão ordinária para a votação em regime de urgência e preferência de cinco mensagens enviadas pelo Chefe do Executivo relacionadas ao remanejamento de verbas, mais de R$ 100 milhões, para a prefeitura investir na área da saúde no período de combate ao coronavírus (Covid-19).

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !