Barra Mansa terá representante em nova etapa do Circuito de Cicloturismo do Médio Paraíba

0

BARRA MANSA

O coordenador da Subsecretaria de Juventude, Esporte e Lazer de Barra Mansa, Marco Cambraia, participa neste sábado, dia 23, de mais uma etapa do pedal de reconhecimento do Circuito Cicloturismo do Médio Paraíba. Desta vez o trajeto será de aproximadamente 60 quilômetros, saindo às 8 horas, da praça central de Pinheiral com destino a cidade de Porto Real, passando pelas principais rotas das cidades de Volta Redonda e Barra Mansa.

Segundo Marcos Cambraia, o circuito visa à realização do mapeamento da rota cicloturística da região, tendo como foco a criação do circuito oficial para moradores e turistas. “A previsão é de que o mapeamento seja concluído ainda neste primeiro semestre do ano, apontando as rotas principais e secundárias para os ciclistas da nossa região e de todo o estado do Rio, Janeiro, fomentando a economia, através do turismo esportivo. Nosso intuito é desenvolver projetos direcionados à cultura da bicicleta, como meta de desenvolvimento sustentável”, detalhou Cambraia.

O Programa Líder, desenvolvido pela Sebrae,  pretende promover a integração regional das 12 cidades envolvidas no projeto em quatro eixos distintos: educação no trânsito, mobilidade, tecnologia e turismo. A proposta consiste na realização de pedais de reconhecimento que visam conhecer as rotas, identificar os parceiros, como hotéis e pousadas, restaurantes, bicicletarias, e outros serviços afins, e marcar os locais onde serão instalados os primeiros totens com informações para os ciclistas da região e visitantes ao longo do trajeto.

O CIRCUITO

O circuito completo terá cerca de 450 quilômetros, e passará pelas cidades de Valença, Vassouras, Barra do Piraí, Piraí, Rio Claro, Pinheiral, Volta Redonda, Barra Mansa, Quatis, Porto Real, Resende e Itatiaia. A ideia é que o ciclista possa começar e finalizar o passeio a partir de qualquer ponto que desejar dentro do circuito, com a indicação dos serviços disponíveis no trajeto. Para auxiliar na divulgação, o circuito vai utilizar a plataforma ‘Bike Map’ até que seja criado um aplicativo próprio, disponível gratuitamente ainda este ano.

Deixe um Comentário

error: Conteúdo protegido !