Barra Mansa ganha mais de 20 empresas nos últimos meses

0
BARRA MANSA

O município destaca-se na região Sul Fluminense tradicionalmente pelo forte comércio que possui, contando com uma capacidade de boas ofertas e a presença de estabelecimentos de grande importância no cenário econômico varejista.

Nos últimos dois meses, foi possível verificar o aumento de aproximadamente 20 empresas/lojas presentes na cidade, empresas do segmento de vestuário, supermercado e grandes magazines. Em breve ocorrerá a inauguração de um supermercado, no bairro Ano Bom, e muitas outras lojas tanto no centro, quanto nos bairros, que também tem um comércio muito forte.

De acordo com o presidente do Sicomércio, Hugo Tavares, essa procura deve-se ao que o município proporciona em termos de varejo, comércio de rua tradicional e população consumidora potencial. “Estamos muito felizes com o crescimento do comércio em nossa cidade, que já é tão forte e referência em nossa região, dada a quantidade e diversidade de estabelecimentos presentes em poucos quilômetros no centro comercial, que atendem a grande demanda gerada pela própria população e das cidades vizinhas”, disse o presidente.

O comércio do município cresce com a chegada de novas empresas mesmo na pandemia – Fábio Guimas

Ainda segundo ele, essa procura também é devido à dificuldade que as grandes lojas estão enfrentando nos shoppings centers por conta do momento vivido. “O horário de funcionamento do comércio em Barra Mansa foi estendido neste mês até a véspera do Natal, possibilitando a visitação e a realização das compras de Natal pela população em um espaço de tempo mais elástico, diminuindo assim a incidência de aglomerações e aumentando a segurança à saúde da população”, falou Hugo.

De acordo com o decreto municipal nº 10.031 o comércio em geral pode funcionar das 8h30min às 22 horas incluindo os sábados e domingos. É importante lembrar que os empresários devem estar atentos as regras da CLT para adotar o horário sugerido. O Sicomércio disponibiliza atendimento jurídico em que dúvidas muito frequentes são sanadas, como por exemplo: instruir como são feitos os bancos de horas empresa/empregados. É oferecido todo o aparato jurídico para que os empresários resolvam essas questões da melhor maneira possível.

EXPECTATIVA PARA O NATAL E ANO NOVO

Uma das épocas que gera mais movimento ao setor varejista é o Natal, data que leva um grande volume de pessoas às lojas para realizarem suas compras de fim de ano. Hugo Tavares contou que “o clima é de otimismo, que a economia está aquecida, e o auxílio emergencial ajudou muito, pois com ele as pessoas aumentaram seu consumo direto, como o de alimentos e também os presentes de natal. Mesmo que as festas/reuniões de famílias sejam realizadas em um número menor de pessoas, elas com certeza irão acontecer”, concluiu o presidente.

O início de ano ainda depende muito da maneira em que se dará o término de 2020, pois no momento vivido muitos fatores giram em torno de como está a disseminação do vírus. O Sicomércio espera que o próximo ano seja promissor, pois a economia está aquecida, porém ainda é cedo para idealizar qualquer coisa, o futuro ainda é uma incógnita, mas a certeza é de trabalharmos juntos e por dias melhores e um comércio cada vez mais forte.