Audiência Pública discute a segurança em Itatiaia

0

ITATIAIA

Uma audiência pública realizada no último dia 29, proposta pela vereadora Andrea de Carvalho Jardim, a Andrea do Dilino (MDB) discutiu a segurança pública em Itatiaia. Estiveram presente ao evento, o prefeito Eduardo Guedes e o vice, Sebastião Mantovani; o deputado federal Alexandre Serfiotis (PSD), o juiz da Comarca de Resende, Dr. Marvim Ramos Rodrigues Moreira; o Chefe da Seção de Planejamento Operacional do 37º Batalhão, Major Lúcio; Inspetor de Polícia da 99ª Delegacia Legal de Itatiaia, Ricardo Asmar Lamim; o Comandante da Guarda Civil Municipal de Itatiaia, Edson Bento Expedito; o sub-procurador do Município, Thiago Correa; o representante da OAB – subsecção Resende, Paulo Carnaúba; além dos vereadores e outras autoridades.

Segundo a autora da audiência, o motivo da audiência pública foi o de permitir que a população pudesse estar frente a frente com as autoridades que lidam com a segurança no município e discutir o problema de forma aberta. “Tive a ideia de propor essa audiência pública, junto a alguns vereadores para que a população tivesse a mesma oportunidade de falar sobre segurança pública, tive a oportunidade de trazer diversas autoridades que representam a segurança de Itatiaia e da região, acho que deveria ter sido maior o aproveitamento, mas, infelizmente a população não entendeu esse momento e não compareceu”, lamentou Andrea do Dilino, ao se referir a pouca presença do público no plenário.

Para o Major Lucio, que representou o comandante do 37° Batalhão da Polícia Militar, em Resende, tenente-coronel Rhonaltt Buenos Pereira, apesar do pequeno público presente, a audiência foi bastante positiva para a construção de ideias. “Alguns anos atrás a nossa ideia sobre segurança pública, referente à população, de modo geral, era muito limitada. Hoje percebemos claramente o que ficou de mais positivo em relação ao que eles pensavam”, ressaltou.

A pouca presença da população na audiência foi lamentada pelas autoridades – CMI

O juiz Marvin Ramos destacou a importância da colaboração da população por meio de denúncias. “A denúncia é primordial, tanto o major da polícia militar, quanto o inspetor da polícia civil relataram isso, que isso ajuda e muito. A polícia civil de Itatiaia tem efetivamente uma taxa de solução muito superior a do estado inteiro, isso se deve a participação da população. Acredito também em prevenção. Não ficar andando com celular distraído na rua, tomar cuidado, olhar atentamente ao entrar em casa. São pequenas atitudes como perceber o movimento da rua, se tem carro ou pessoas estranhas, efetivamente se prevenir e não contar somente com a ajuda policial que é uma repressão posterior, que aí pode ser tarde demais”, disse o magistrado.

CÂMERAS DE SEGURANÇA

O prefeito Eduardo Guedes (MDB) informou que em relação ao Proeis (Coordenadoria do Programa Estadual de Integração na Segurança), teve a oportunidade de estar na Polícia Militar do Rio de Janeiro, tratando desse assunto: “Já estamos finalizando alguns compromissos que tínhamos anteriormente firmado e vamos trabalhar com o Proeis. Também já temos um processo administrativo aberto, para questão de monitoramento por câmera de nossa cidade, não é um projeto caro, mas, aos poucos nós vamos atingir. Iniciaremos esse trabalho, para darmos uma força para auxiliar a polícia militar e a civil nas suas investigações”, disse.

Em suas palavras, o vice-presidente da Câmara de Itatiaia, vereador Vaninho (PRB) afirmou que é necessário diminuir a criminalidade dentro do município: “Essa audiência, foi uma demonstração de total interesse do Poder Legislativo juntamente com o Executivo buscar essas autoridades para buscar soluções para os problemas que estão assolando nosso município. Dando assim também uma chance de nossos governantes começarem a montar a política de Educação, enquanto as crianças ainda são crianças, não podemos esperar chegar na idade de 15 ou 16 anos uma vez que, sem educação eles consequentemente se tornarão vítima do crime e participarão dele”, salientou o parlamentar.

Também estiveram presente a audiência pública os vereadores João Márcio Albino Silva (PRB), Leonardo de Seixas Carvalho (PP), Eduardo de Almeida Pereira, o Dudu Pereira (MDB), José Adelson Rodrigues Oliveira, o Toroca (PSB), Jair Balbino da Silva, o Jair Porquinho (MDB), Vander Leite Gomes, o Vander (MDB) e o vereador Anderson da Saúde (PSD).

PARTICIPAÇÃO POPULAR

Na opinião da moradora Valdirene Rocha a audiência pública foi de grande importância para o município porque atinge toda a população. Ele avalia que o evento merecia maior presença da população. “As autoridades compareceram, mas faltou a presença da população, dos nossos munícipes para argumentar sobre a questão da Segurança Pública”, ressaltou a moradora.