Ações em combate ao novo coronavírus seguem na Rodovia Presidente Dutra

0

BARRA MANSA

O Sest/Senat (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) seguem trabalhado para dar suporte aos profissionais do transporte, que estão garantindo o abastecimento das cidades e a oferta de serviços essenciais neste momento de crise que vive o país. Na manhã desta terça-feira, dia 31, foram realizados vários atendimentos no Km 267 da Rodovia Presidente Dutra, no bairro Vila Principal, em Barra Mansa.

As equipes continuam realizando ações de prevenção e combate ao novo coronavírus (Covid-19) junto aos caminhoneiros. As ações acontecem em mais de 130 pontos de todo o Estado do Rio de Janeiro desde o dia 27 deste mês. A PRF cedeu os postos de atendimentos nas rodovias e auxilia na logística e segurança dos atendimentos, além disso conta com a parceria do Ministério da Infraestrutura e das concessionárias de rodovias.

“Equipes devidamente orientadas quanto ao cumprimento dos protocolos definidos por autoridades de saúde estão em mais de 130 pontos de rodovias, distribuindo produtos de higiene e de alimentação aos motoristas, principalmente aos caminhoneiros, que têm enfrentado dificuldades em razão das restrições impostas ao funcionamento de estabelecimentos comerciais em todo o Brasil”, explica o Sest/Senat.

Além disso, o Sest/Senat, por intermédio da Confederação Nacional do Transporte), solicitou ao governo federal a inclusão dos motoristas no grupo prioritário da campanha de vacinação contra a gripe, que iniciou na última semana. Também colocou à disposição as suas 155 unidades operacionais bem como as 55 vans do Programa CNT Sest/Senat de Prevenção de Acidentes para auxiliar nessa ação. A instituição aguarda agora a disponibilização das doses para que os trabalhadores comecem a ser imunizados.

“Essa medida é considerada fundamental para reforçar a proteção da saúde desses profissionais, que circulam por todo o país e estão garantindo o abastecimento das cidades, e minimizar o risco de sobrecarga ao sistema público de saúde”, diz a equipe em nota.

O Sest/Senat explica que buscou orientações com profissionais da área de saúde para que todo o trabalho de atenção seja desenvolvido com elevado grau de segurança. “Estão sendo adotadas todas as medidas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde para a abordagem que será realizada pelas equipes nas rodovias”, assegura.

Empresas que queiram contribuir com a ação podem entrar em contato com a Jamile Antunes, pelo telefone (61) 98120-0115 ou pelo email [email protected]

Deixe uma resposta

error: Conteúdo protegido !