Suspeito de assaltar posto em Angra morre durante confronto com a polícia em Mangaratiba – A Voz da Cidade
Siga a Voz da Cidade
HomePolíciaSuspeito de assaltar posto em Angra morre durante confronto com a polícia em Mangaratiba

Suspeito de assaltar posto em Angra morre durante confronto com a polícia em Mangaratiba

Material apreendido foi encaminhado para a 165ª DP - Divulgação

Suspeito de assaltar posto em Angra morre durante confronto com a polícia em Mangaratiba

MANGARATIBA/ANGRA DOS REIS

Jonathan Andrew Alves de Lima, o ‘Jonathan Macumba’, de 23 anos, morreu na tarde de ontem após uma troca de tiros com a Polícia Militar na BR-101 (Rodovia Rio-Santos), em Mangaratiba. De acordo com informações da polícia, Jonathan e outro rapaz, identificado como Leonardo da Silva Soares, o ‘Estrela, teriam tentado assaltar no mesmo dia um posto de combustíveis em Angra dos Reis.

Segundo informações do registro da 165ª Delegacia de Polícia, os policiais militares foram acionados por funcionários do posto após o crime. Eles informaram que os homens estiveram no estabelecimento em um veículo Nissam Sentra e anunciaram o assalto. Depois que viram que não havia dinheiro em caixa, eles fizeram um abastecimento no valor de R$ 100 e fugiram.

Diante dos fatos, os policiais militares acionaram outras guarnições comunicando o crime, sendo feita a obstrução na Rodovia Rio-Santos. Os suspeitos foram localizados já no trecho de Mangaratiba e chegaram a fugir do bloqueio da polícia. Na altura do trevo, eles foram contidos pela equipe da 165ª DP, após intensa troca de tiros.

‘Jonathan Macumba’ morreu na hora e o ‘Estrela’ foi preso. Com eles foram apreendidos uma granada, 10 baterias para rádio, um rádio comunicador, quatro carregadores de celulares; um celular LG, uma chave micha, uma pistola 9mm, quatro carregadores para pistola 9mm com 40 munições intactas, um fuzil AK 47,  um carregador de AK 47, 55 munições 223 para AK47, um simulacro Glock P.698 e dois cintos NAs.

De acordo com a PM, a granada foi removida pela equipe da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core); a polícia ressaltou ainda que o jovem que veio a óbito era o segundo homem da hierarquia da comunidade do “Carvão”, no município de Itaguaí.

 

Classifique essa Notícia
Sem Comentários

Comentar