Para onde e para quem você está correndo? – A Voz da Cidade
Siga a Voz da Cidade
HomePalavras da Verdade - Pr. José EdsonPara onde e para quem você está correndo?

Para onde e para quem você está correndo?

Para onde e para quem você está correndo?

Nossa vida nem sempre é de realização, alegria e flores. Há momentos que somos surpreendidos pelo indesejado.
As vezes o mal vem se acumulando, dias, semanas meses e anos e quando menos esperamos somos assaltados com golpes traiçoeiros e somos vitimados e não conseguimos enxergar o outro lado da vitória, e ficamos sem armas, sem argumentos, sem saída.
E daí? A quem recorrer? Aos amigos? Aos parentes? Aos recursos financeiros?
Mas existem problemas que não se pode resolver nas esferas humanas.
E partimos para buscar refúgio numa suposta fé nas coisas no campo da religião, do misticismo. Coisas inanimadas criadas pela invenção humana e religiosa e ficamos esperando, colocando nossa esperança na sorte, nas entidades, na casualidade. Esperamos em vão.
Aventuramos a tudo e a todos. Mas se pararmos um pouco para pensar e olhar ao nosso redor, vamos descobrir que há uma verdade, algo lógico e palpável que já poderíamos ter recorrido e seriamos atendidos.
O salmista escreveu: Porque todos os deuses das nações são vaidades; porém, o Senhor fez os céus.. (I Crônicas 16.26).
Ai está diante de nós, ao nosso redor, a nossa vista, a oportunidade da nossa vitória.
Outra vez escreveu o salmista: Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angustia. (Sl 46.1)
Somos instruídos, incentivados a buscar os recursos incapazes. E buscamos e nos cansamos e nos decepcionamos. Somos levados aos desvarios e voltamos desolados porque rejeitamos a verdade, até o lógico. Porque se o Senhor fez os céus, Ele pode todas as coisas; quanto mais os problemas dos que vivem na terra.
Desprezamos a verdade e o lógico; porque achamos simplório, fácil demais e não cremos.
E Deus espera a conscientização do homem aflito, necessitado, Deus espera a sua decisão de confiar na verdade que o rodeia.
O astronauta Neil Armstrong quando pisou na lua, a primeira coisa que fez foi ler os salmos de número oito: Ó SENHOR, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome em toda a terra, pois puseste a tua glória sobre os céus! Da boca das crianças e dos que mamam tu suscitaste força, por causa dos teus adversários, para fazeres calar o inimigo e vingativo. Quando vejo os teus céus, obra dos teus dedos, a lua e as estrelas que preparaste. Que é o homem mortal, para que te lembres dele? e o filho do homem, para que o visites? Contudo, pouco menor o fizeste do que os anjos, e de glória e de honra o coroaste. Fazes com que ele tenha domínio sobre as obras das tuas mãos; tudo puseste debaixo dos seus pés. Todas as ovelhas e bois, assim como os animais do campo. As aves dos céus, e os peixes do mar, e tudo o que passa pelas veredas dos mares. Ó Senhor, Senhor nosso, quão admirável é o teu nome sobre toda a terra!
Este é o Deus que todos devem recorrer, porque Ele é o Senhor dos céus e a terra. E o mais importante é que Ele está interessado em tomar tuas causas em suas mãos; mas você endurece o coração contra o Senhor e fica emaranhado, confuso e sem solução.
Jesus declarou: Eu Sou o caminho e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai a não ser por mim. (João 14.6).
O Senhor fala a todos os moradores da terra que se olharmos para Ele seremos salvos, teremos a solução dos problemas; matérias e espirituais até o mais difícil. (Isaías 45.22).
E então, para onde e para quem você está correndo? Quem busca a Deus nunca volta vazio. Diz a Bíblia: A palavra está junto de ti, na tua boca e no teu coração; esta é a palavra da fé, que pregamos. A saber: Se com a tua boca confessares ao Senhor Jesus, e em teu coração creres que Deus o ressuscitou dos mortos, serás salvo. Visto que, com o coração se crê para a justiça, e com a boca se faz confissão para a salvação. Porque a Escritura diz: Todo aquele que nele crer não será confundido. (Romanos 10.8-11).
Pr José Edson
Assembleia de Deus
Av. Pres. Kennedy 1502
Barra Mansa – RJ

Classifique essa Notícia
Sem Comentários

Comentar