Polícia 20/03/2017 07:44:32 - Atualizado em 20/03/2017 07:44

Polícia Civil realiza operação em Barra Mansa e Volta Redonda

Equipe do A VOZ DA CIDADE acompanhou a ação que envolveu agentes de várias cidades

COMBATE AO CRIME

0 comentários

Envie o seu comentário

* Nome:
* E-mail:
Telefone:
 
* Comentário:  
Declaro expressamente que li as Condições Gerais e aceito seus termos de forma integral. 
 

Uma operação da 90ª Delegacia de Polícia (DP), de Barra Mansa, foi realizada na manhã desta segunda-feira, dia 20, para o cumprimento de diversos mandados de prisão e de busca e apreensão no município e também na cidade de Volta Redonda. O A VOZ DA CIDADE acompanhou a ação, que foi coordenada pelo delegado titular da unidade, Ronaldo Aparecido Brito, e adjuntos Alcidézio Bispo Junior e Márcio Leandro Figueroa, e ainda o delegado da 168ª DP de Rio Claro e da 94ª DP de Piraí, Michel Florosck.
Por volta das 5h30, as viaturas saíram da delegacia de Barra Mansa e as equipes se dividiram para cumprir os mandados de prisão preventiva, expedidos pela justiça, no Vila Brígida, Vila Nova, Vila Maria, Vila Coringa e Jardim Central, em Barra Mansa, e nos bairros Açude II e IV, Água Limpa e Retiro, em Volta Redonda.
No total, a ação, denominada “Operação Brígida”, prendeu 16 pessoas ao longo dos três meses de investigação.
Além do tráfico de drogas e associação para o tráfico, as investigações também solucionaram dois homicídios qualificados, praticados por integrantes da quadrilha e ainda resultou na apreensão de armas de fogo, drogas e materiais de endolação. Entre os integrantes da associação, foram identificados dois taxistas, que exerciam a função de transportar drogas e armas.
Ronaldo Aparecido Brito explicou ainda que no decorrer das investigações foi constatado o envolvimento de menores na suposta organização criminosa e que alguns dos denunciados, como Arlindo de Oliveira Gonçalves e Ericson de Souza Assis, conhecido como Maninho, já detidos, estariam praticando os crimes do interior de presídios do Estado do Rio de Janeiro. Arlindo seria o responsável pelo fornecimento das drogas comercializadas no Açude e Ericson, oriundo da comunidade da Serrinha, em Madureira, no Rio de Janeiro, é suspeito de abastecer Arlindo e outros traficantes da região. 
 

© A Voz da Cidade. Todos os Direitos Reservados | Política de Privacidade

Desenvolvido por AM4