Profissionais da Educação promovem ato no bairro Vila Santa Cecília – A Voz da Cidade
Siga a Voz da Cidade
HomePolíciaProfissionais da Educação promovem ato no bairro Vila Santa Cecília

Profissionais da Educação promovem ato no bairro Vila Santa Cecília

Profissionais da Educação durante ato no bairro Vila Santa Cecília// Tania Cruz

Profissionais da Educação promovem ato no bairro Vila Santa Cecília

VOLTA REDONDA

Dando sequência ao calendário de atos pelo pagamento do Plano de Cargos Carreiras e Salários (PCCS), a ajuda financeira para estudantes do Ensino Superior, auxílio alimentação, pagamento do piso salarial nacional e o cumprimento da lei que garante um terço da carga horária do professor para planejamento, os profissionais da rede municipal de ensino promoveram, ontem de manhã e a tarde, manifestações no bairro Vila Santa Cecília.

Nos dois horários, os profissionais, que desde a semana passada estão realizando meia paralisação em suas atividades, se concentraram na Praça Juarez Antunes e em seguida caminharam pelas principais ruas do bairro.  Hoje, os profissionais voltam a se reunir, na parte da manhã na Praça Sávio Gama, em frente ao Palácio 17 de Julho, para novo ato. Amanhã, às 14 horas está marcada a Audiência Judicial do mandado de Injunção para o PCCS dos funcionários, que entraram após 2011.

Os manifestantes disseram que, todos os benefícios cobrados estão previstos em Lei, mas não estão sendo garantidos. Na última sexta-feira, 11, o prefeito Samuca Silva (Podemos) recebeu, em seu gabinete no Palácio 17 de Julho, cerca de 50 profissionais de educação. O encontro teve como objetivo esclarecer pontos e dialogar sobre melhorias para a categoria. Um grupo de trabalho foi montado para debater temas ligados à educação.

O prefeito abriu o encontro reafirmando seu compromisso com a Educação do município e a valorização dos profissionais. Destacou que assumiu o governo em 2017 com diversos desafios, como escolas sucateadas e professores desvalorizados. Lembrou que tem uma dívida maior que a arrecadação, mas com gestão está superando os problemas. Disse ainda quem no ano passado executou o Orçamento feito em 2016 pelo antigo governo e esse ano está trabalhando o que foi enviado por sua equipe e com quatro meses completados teve avanços.

Sobre o enquadramento da categoria no Plano de Cargos, Carreiras e Salários, o prefeito reafirmou que apresentará a mesma proposta, de R$ 135,79 a cada profissional, a mesma contida no processo judicial. A decisão, neste caso, segundo o Chefe do Executivo, ainda não foi dada. Declarou o prefeito que, o PCCS é um tema antigo, de mais de 20 anos, e que prefeito algum enfrentou de frente. Lembrou que ele foi até o juiz e fez uma proposta para começar a pagar o plano, mas de acordo com a saúde financeira do município. “E assim que estamos fazendo a gestão da cidade. Enfrentando os desafios que há anos estavam sendo postergados”, relatou.

Na reunião ficou definido que o prefeito deverá se reunir, uma vez por mês, com professores representantes de todas as escolas municipais, para ampliar o diálogo. O prefeito lembrou ainda aos professores que o município já atingiu a Lei de Responsabilidade Fiscal com gastos com pessoal. Esclareceu que, seu gabinete está sempre aberto para o diálogo para os profissionais de educação e demais categorias. Disse ainda que, os desafios são muitos e com gestão está avançando.

 

 

Compartilhe!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter
Classifique essa Notícia
Sem Comentários

Comentar