Jovens são apreendidos suspeitos de roubo à joalheria em Paraty – A Voz da Cidade
Siga a Voz da Cidade
HomePolíciaJovens são apreendidos suspeitos de roubo à joalheria em Paraty

Jovens são apreendidos suspeitos de roubo à joalheria em Paraty

Dentro do veículo foram encontradas duas toucas ninjas e um casaco preto - Divulgação

Jovens são apreendidos suspeitos de roubo à joalheria em Paraty

PARATY

Agentes da 167ª Delegacia de Polícia, com reforço do 33° Batalhão da Polícia Militar, apreenderam na tarde de terça-feira, dia 12, dois jovens suspeitos de assalto à joalheria, ocasião em que foram subtraídos aproximadamente R$ 41 mil em joias. A prisão em flagrante de Hilbe Cabral Alves Ferreira, de 23 anos de idade, e apreensão de um adolescente de 17, ambos por porte ilegal de arma de fogo e associação criminosa, aconteceu no Centro.

Segundo informações do delegado titular da 167ª DP, Uriel de Alcantara Machado, policiais civis faziam o retorno para a delegacia, quando tiveram atenção para um veículo Gol, sendo o mesmo com placa já reconhecida por envolvimento em um assalto a uma joalheria no Centro Histórico.  “A equipe tentou realizar a abordagem e o veículo fugiu, entrando em uma rua sem saída, onde os dois ocupantes desembarcaram e entraram em um rio próximo”, disse o Uriel, completando que foi solicitado apoio da Polícia Militar, realizado cerco e varredura no local, onde a dupla foi encontrada cerca de meia hora depois. “Eles estavam escondidos dentro da água e embaixo da mata ciliar, onde o menor ainda segurava o revólver calibre .38 apreendido”, contou o policial.

Ainda segundo informações do delegado, dentro do veículo foram encontradas duas toucas ninjas e um casaco preto, sugerindo que a dupla estivesse rodando com objetivo de efetuar roubos.

O menor havia sido preso pela última vez por policiais civis em maio deste ano, em flagrante de fato análogo ao crime de associação para o tráfico de drogas, junto com outras três pessoas, todos do bairro Ilha das Cobras.

De acordo com Uriel, os traficantes do bairro Ilha das Cobras estão sendo investigados por alguns roubos que ocorreram no município e as circunstâncias da prisão realizada, sobretudo pelas toucas ninjas encontradas e o veículo utilizado no roubo de uma joalheria, corroboram as informações angariadas em outras investigações, “indicando uma migração na atuação dos criminosos que passam a praticar roubos além do tráfico de drogas, passando também a responder não apenas pela associação para o tráfico como também pela associação criminosa”, concluiu o delegado.

O inquérito policial que apura o roubo na joalheria continua em andamento e o veículo utilizado encontra-se apreendido na 167ª DP, para prosseguimento da investigação.

A Polícia Civil reforça a necessidade de colaboração da população com quaisquer informações, indicando o telefone (24) 3371-8484 da delegacia de Paraty, os telefones (21) 334-8823 e 2334-8835, da Central de Atendimento ao Cidadão da Polícia Civil – CAC, e o telefone do Disque-Denúncia 2253-1177.

Compartilhe!Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on Twitter
Classifique essa Notícia
Sem Comentários

Comentar